14.12.09

Revelações


"Não temas, não quero possuir-te. Alço-me em direção de tua superfície que já é perfume.
Alço-me até atingir minha própria aparência. Empalideço nessa região assustada e fina, quase alcanço tua superfície divina . . ."

7 comentários:

Gisele Freire disse...

Oi Rê
Esta mulher é divina, e estamos em sintonia, ela tb está no Vastas rs...
Isto é muito bonito, a densidade das palavras da Clarice me comovem absurdamente. Adoro desde minha adolescência; penso que eu tenha isso tão dentro de mim e por isso me identifico tanto..., rs
Bjs querida, dia florido pra ti!
Gi

Eloisa disse...

Clarisse Lispector tem uma alma incrível, uma sensibilidade que chega a dar inveja.
Ótimo lê-la em pedaços por aqui.
Aliás, ela vira reticência por entre os blogueiros, sempre se encontra um pedacinho aqui, outro acolá.

Um beijo :*

Renata Luciana disse...

Eloisa querida,


impossivel não sorver.

Beijos , um lindo dia e volte sempre.

Tiago Moralles disse...

O toque é sublime, quando acontece de alma com alma.

Renata Luciana disse...

Ti,

Esse é um dos sentidos mais dinâmicos. O toque. Que possamos exercitá-lo sempre.

beijinhos macros

renata carneiro disse...

somente duas almas sabem se reconhecer: o que cabe entre elas é majestoso.

um beijo!

Renata Luciana disse...

Lindo Rê!