30.4.10

Sua


















É certo acordar amanhã sentindo o teu cheiro e não mais o meu

É certo estar envolvida por tuas asas e não mais sentir o frio do meu lugar

Vou em busca do teu querer

7 comentários:

Ribeiro Pedreira disse...

É certo encontrares o meu abraço com sabor de afeto e cheiro de desejo.
É certo encontrares o meu querer por todos os lugares onde passarmos.
É certo o amor que nos aquece o frio e abranda o calor a cada anoitecer e alvorecer.

Non je ne regrette rien: Ediney Santana disse...

a poesia romantica é esse estrago em que plural se nega ao singular de dois

Ana Tapadas disse...

Interessante diálogo com o Amor.
bjs

Jaya Magalhães disse...

Eu acabei decidindo ir também, Renata. Acabei decidindo.

Que encontremos os quereres. Nossos e os alheios.

Beijoca.

A.S. disse...

Renata...

Nas asas em que te acolhes, esperam-te ainda todos os desejos, todas as aventuras...


Beijosss
AL

Pensamento e Fumaça disse...

"...É certo que eu me esqueça do quanto sou para ser nós, pois em mim há muito mais de ti, porque em nós há muito mais do que esse estado permanente. é certo que em busca do seu desejo eu vá, e então, não se espante, quem sabe eu me realize!!""

LIndo seu trecho...como sempre, uma demasiada entrega!!!
Um beijo
Apareça mais lá no Pensamento!
Mell

Sylvia Araujo disse...

Deixar-se ir de encontro ao calor do amor... entrega, Rê, entrega!

Beijoca