12.3.10


Todos estão loucos, neste mundo? Porque a cabeça da gente é uma só, e as coisas que há e que estão para haver são demais de muitas, muito maiores diferentes, e a gente tem de necessitar de aumentar a cabeça, para o total. Todos os sucedidos acontecendo, o sentir forte da gente — o que produz os ventos. Só se pode viver perto de outro, e conhecer outra pessoa, sem perigo de ódio, se a gente tem amor. Qualquer amor já é um pouquinho de saúde, um descanso na loucura.

7 comentários:

ErikaH Azzevedo disse...

O que não couber na cabeça. guarda no coração e não se preocupe, alguns corações guardam um mundo dentro e ainda sobra espaço.os


A última frase que fala sobre o amor, prova perfeitamente o que disse...adorei a frase, por sinal.

bjinho

Erikah

Ribeiro Pedreira disse...

Se qualquer amor é um pouquinho de saúde e com ele já se PODE viver perto de outro, com todo amor (de muito) já se DEVE viver assim.
Amor e Saudades, Baby!
Sejamos felizes!!!

E que a vida nos seja leve!

Renata Luciana disse...

Erika

a tua preença aqui, acrescenta poesia.

beijos flor!

_____________________________________



meu poeta!

quanto à eternidade nos reserva?

Beijos meus.

claudio rodrigues disse...

Rê, ganhei minha noite vindo ler Rosa no blog de uma rosa. LIndo demais esse trecho. Uma pérola.Beijos mil!

Priscila Rôde disse...

Se for amor, é muito e intenso. Não há mal que resista!

Adorei a frase em destaque!

Renata Luciana disse...

Cláudio

você é mais que uma saudade por aqui. A tua entrega 'professor' é arte.

beijos amigo,

______________________________

Pri

os intensos se misturam, os amantes também

sempre bem vinda!

Renata Luciana disse...

Cláudio

você é mais que uma saudade por aqui. A tua entrega 'professor' é arte.

beijos amigo,

______________________________

Pri

os intensos se misturam, os amantes também

sempre bem vinda!