24.9.10

Coisinhas de mulher

Hoje, acordei nuances de sol depois de uma noite nublada e cinzenta, disposta para a sessão "coisinhas de mulher", chovia  burburinhos, meus olhos passeando por páginas quando encontro a Adélia.
Ah, Adélia! tão bom encontrar-me em ti,  o tempo aqui ficou tão raro que me percebi mudando de pele.


"Vamos dormir juntos, meu bem (...)

Meu amor é este ar tristonho

que eu faço para te afligir,

um par de fronhas antigas

onde eu bordei nossos nomes

com ponto cheio de suspiros"

5 comentários:

Ribeiro Pedreira disse...

na espera, durmo tranquilo para acordar em ti.
bjs de amor!

Lua Nunes disse...

Arrasada!!!
Você mudou a cara do blog e eu não tinha visto. Está simplesmente lindo´. Péssima prima eu sou. Mas tem presente para você lá no www.umdiacriocoragem.blogspot.com.

bjs

Jorge Manuel Brasil Mesquita disse...

Metamorfoses de amor, quem não as tem?
Jorge Manuel Brasil Mesquita
Lisboa, 25/09/2010

so sad disse...

bordados, sonhos, nomes, saudades, o suspiro que ecoa pela noite, e pelas noites.
beijo!

Rafael Castellar das Neves disse...

Acho que o "ninho" é o local para onde todos casais deveriam se voltar para se encontrar, pois é onde são verdadeiramente...

Muito bom!