15.10.10

Ela só queria desabotoar os sonhos

revelar em tons de sépia a sua nataruza envelhecida

respirava em longas escaladas

diamante puro

 Ela só queria  

desnudar-se

12 comentários:

Marcantonio disse...

Bela relação de cumplicidade entre palavra e imagem.

Abraço.

sant'ana disse...

que lindo
lindo mesmo
adorei

Ana Tapadas disse...

Lindo!
Desabotoar os sonhos...
beijo

Ribeiro Pedreira disse...

ela só queria viver. e vive a sonhar com os pés no chão e a cabeça nos diamantes da chapada.
meus beijos!

Lara Amaral disse...

E parece tão fácil, e bem que podia ser, né?

Beijo, florzinha!

fouad talal disse...

menina,

quem respira diamente,
não é jóia da cabeça não. rs

sempre bom te re-visitar!
um abraço nocê e outro no pedreira...

inté!

so sad disse...

e quando encontramos o amor, é facil.

Fred Caju disse...

Incrivelmente simple. O que o faz incrivelmente belo.

Vital disse...

muito bonito tudo isso moça,
na minha distração demorei a descobrir teu blog.

continuarei lendo.

Lua Nova disse...

Que bom que te encontrei. Adorei as tábuas rústicas do teu canto de poetar. Fiquei extasiada com teus textos, com tua sensibilidade, com tua percepção.
Venha conhecer meu blog e saborearemos uma mousse de chocolate juntas.
Beijokas.
Inevitavelmente, seguindo...

Lua Nova disse...

Esse texto é lindo demais... Desnudar-se é bem mais difícil do que possa parecer...
Beijokas.

Non je ne regrette rien: Ediney Santana disse...

choveu muito aí não foi? espero que não tenha nada de ruim com vc e os seus
abraços